Mensagem

Bernardo Santos

 

     Siga placidamente em meio ao barulho e a pressa. Lembre-se de quanta paz pode existir no silêncio. Tanto quanto possível, sem se rebaixar, procure se dar bem com todas as pessoas; defendendo seus pontos de vista, discreta e objetivamente. Ouça os outros, mesmo o enfadonho e o ignorante, pois eles também têm algo a dizer.

     Afaste-se das pessoas exasperadas. Elas são perniciosas ao espírito. Em comparação com os outros, talvez se sinta vão e pequenino, pois sempre haverá pessoas mais poderosas e mais insignificantes que você. Orgulhe-se de suas conquistas, assim como dos seus planos. Mantenha-se interessado em sua própria carreira; ainda que obscura, ela constitui algo no constante mudar de suas experiências. Exercite a precaução em seus negócios porque o mundo é cheio de armadilhas, mas não deixe que elas o cerquem a ponto de não perceber a existência da virtude, pois muitos ainda lutam por elevados ideais e em toda parte a vida esta plena de heroísmo.

     Seja você mesmo.

     Nunca negue afeição, tampouco seja malicioso com as coisas do amor; em meio a toda avidez e desilusão, ela é eterna como a relva. Siga o sábio conselho do amor e perceba a graça que existe em tudo o que é jovem. Nutra seu espírito com a força necessária para que ele o ampare na desgraça, mas não se fadigue com sonhos demasiados. Muitos receios têm origem na fadiga e na solidão.

     Através de uma disciplina equilibrada, seja paciente consigo mesmo. Você pertence ao universo, tanto como as árvores e as estrelas. Assim como elas; tem o direito de estar aqui. E, quer perceba ou não, não há dúvidas de que ele é tão infindável quanto deveria ser. Entretanto, esteja sempre em paz com Deus, seja qual for a ideia que dele faça e, sejam quais forem suas aspirações e seus ideais na barulhenta confusão da vida, mantenha sua paz interior.

     Com toda a rudeza, toda árdua luta da humanidade, todos os seus sonhos desfeitos; este mundo ainda é belo. Portanto, vale a pena continuar lutando para alcançar a felicidade.  



Mãe, o que significa ela para você?

Bernardo Santos

           

    Palavra   originada  do  latim,   mater,   ‘mãe’.    Mulher   ou qualquer  fêmea,  que  deu  à  luz  um  ou  mais filhos.   Pessoa dedicada,   desvelada.    Fonte,  origem,   berço materno,  forte, santa. Nossa mãe.  Assim  é  a  definição  de  Aurélio Buarque de Holanda em seu dicionário.

     Para os religiosos a primeira mãe:  Eva.  A igreja,   a  mãe  dos  fiéis  e  a Terra a mãe comum;  o país  a mãe  pátria  e  sua  fala  a língua mãe.   A mãe natureza, que para alguns analistas não tem nada de mãe.

   São muitas as definições, mas no fundo todas representam uma só palavra, formada por três letras, tão pequena e com significado tão grande: MÃE.

     Mãe que deu aos pensadores e poetas a grandeza de pensar e traduzir ideias formando opiniões e conceitos; eis alguns:

 “A mãe é a mais bela obra de Deus”. (A. Garrett)

 “A maior alegria e o maior orgulho de uma mãe é ser admirada por seus filhos”. (Marcela Tinayre)

 “O coração das mães é um abismo do qual se encontra sempre um perdão”.   (Honoré de Balzac)

“Pode secar-se, num coração de mulher, a seiva de todos os amores, nunca se extinguirá a do amor materno”. (Júlio Dantas)

      Filhos    ilustres   confessaram   seus   amores   e   agradecimentos     em  público  por honra a ela:

 “Tudo aquilo que sou, ou pretendo ser, devo a um anjo: Minha mãe!”. (Abraham Lincoln)

 “Minha mãe foi a mulher mais bela que conheci. Tudo o que sou, devo a ela. Atribuo todos os meus sucessos nesta vida ao ensino moral, intelectual e cívico que recebi dela”. (George Washington)

      O termo mãe aparece muitas vezes para comparar a algo grandioso:

 “Uma mãe é capaz de ensinar mais do que cem professores”. (Charles Lenox Remond)

 “A necessidade é a mãe da invenção”. (Platão)

 “A guerra, assim como é madrasta dos covardes, é mãe dos corajosos”. (Miguel de Cervantes)

      Culpam-na  também por algumas falhas cometidas pela humanidade:

 “A dívida é a mãe prolífica de loucuras e crimes”. (Benjamin Disraeli)

 “A mentira é a mãe da sociedade”. (Augusto Cury)

 “O achar é a mãe de todos os erros”. (Provérbio chinês)

     E  agora,  no  mês  de  Maio,   acharam  um  dia para ser dedicado a esta mulher;  guerreira,  batalhadora,  incansável,  amiga,   parceira  de  todas   as horas.   Muitos  filhos   lhe   compram   presentes,   mandam  flores,   cartões, mensagens eletrônicas escritas por autoria própria ou desconhecida:

 “Mãe, você que me deu a vida, merece muito mais que o mundo”.

 “Mãe, posso tentar fazer tudo para retribuir o que você fez por mim, mas sei que nunca vou conseguir chegar perto”.

 “Mãe, o dia das mães é só uma vez por ano, mas eu amo você todos os dias”.

     Seja pelo lado bom ou mau, de um todo, de um tudo e do existir; a mãe é sempre mãe. Um amigo dizia: “Mãe é bom, mas dura muito”. A ele só tenho algo a declarar: Pena que não dure para sempre...

      E para você?    Qual  é  o  significado   de mãe?  O  que  teria  a   dizer   e pensar da sua?  Que nossas mães tenham sempre bons dias, todos os dias, e assim nossos dias serão sempre mais felizes.

     FELIZ DIA DAS MÃES A TODAS MÃES!  

 
 

© 2010/17 - Bernardo Santos - Todos os direitos reservados

Lay-out e Hospedagem: Uol Host

Imagens de Abertura das Páginas: Licença Royalt-Free

Fotos: Arquivo Pessoal e Divulgação



  Site Map