Quarto de conflitos

Bernardo Santos


Quando na ruína
o castelo arder em fogo
e a multidão clamar por justiça,
nascerá o quarto crescente
e soará o quarto tom
no quarto de despejo.
No quarto minguante
dar-se-à um quarto ao diabo
e o homem passará
um mau quarto de hora
reduzindo em pedaços.



Questo

Bernardo Santos

  

Entre avenidas e ruas

aos cortes de ligeiros ventos

voam levemente seus cabelos ao ar.

Quem és tu formosa figura

que brilha em raios de luz

fixos, breves em olhares?

Caminhos percorridos,

longínquos na procura.

Hoje, perseguida;

amanhã, novas tentativas,

quem sabe...

Noite escura

pensamentos...

Apenas pensamentos

alucinam.

Dias que se vão

em vão.

Novas buscas desesperadas

passos certos,

descoberta, enfim

vitória alcançada.

 
 
 

© 2010/18 - Bernardo Santos - Todos os direitos reservados

Lay-out e Hospedagem: Uol Host

Imagens de Abertura das Páginas: Licença Royalt-Free

Fotos: Arquivo Pessoal e Divulgação



  Site Map